‘O que a vida me roubou’ pode fracassar no Brasil por conta de público ultraconservador

O que a vida me roubou’ era uma das telenovelas mexicanas mais esperadas no Brasil, no entanto com a sua estreia a trama perdeu um pouco de seu favoritismo, na realidade sua taxa de rejeição está subindo a cada semana, porém por que isso está acontecendo?

A rejeição da novela se deve ao fato da trama não ser um folhetim rosa, o que os telespectadores conservadores do SBT estão acostumados, além da mocinha ter um envolvimento amoroso com dois homens, a trama possui cenas fortes de violência, ‘O que a vida me roubou’ é uma novela adulta, que foi transmitida no horário nobre mexicano, já no Brasil o folhetim está sofrendo vários cortes, e a audiência não está correspondendo.

O que a vida me roubou’ é uma excelente novela, porém pode se mal compreendida, já que o telespectador brasileiro vespertino é ultraconservador.

Além de muitas cenas de sexo, a novela se desenvolve de maneira adulta, algo com que os espectadores de novelas rosas não estão acostumados, já que folhetins que preservam certos ‘valores’ possuem uma aceitação maior por esse público em específico.

Infelizmente ‘O que a vida me roubou’ está sendo sabotada, cortes grotescos e horário inadequado estão prejudicando a novela, relembrando aqui a trama foi um verdadeiro sucesso de vendas e audiência em todo mundo.

A maioria dos espectadores achavam que ‘O que a vida me roubou’ era uma novela rosa, porém estão percebendo que não é, por isso a trama está ficando abaixo dos 7 pontos, sendo que o SBT esperava bem mais da trama de Angelique Boyer.

Ainda não se sabe se a trama irá reagir, porém se não agradar o público, o SBT com certeza não pensará duas vezes, e fará suas reedições absurdas, o que seria uma pena, porque ‘O que a vida me roubou’ é um novelão!

 

  • Andy Pereira

    Se isso acontecer, será uma grande pena. A novela não merece isso.